Skype

Skype

Microsoft
WiFi

Data da avaliação: 8 de Setembro de 2021

|
A Mozilla investigou por 0 hora
|

Opinião da Mozilla

|
Votos das pessoas: Assustador demais

Antes dos recursos de videochamada serem padrão em celulares (putz, quase antes dos celulares), havia o Skype. Lançado em 2003, o ex-rei das videochamadas adicionou recursos em um esforço para acompanhar a crescente competição de videochamadas – recentemente, até fez parceria com o novo filme Space Jam para que você possa ter Lebron James no plano de fundo. O Skype possibilita que os usuários desfoquem seu plano de fundo para privacidade extra, usem tradução de idiomas em tempo real e, diferente de alguns dos outros aplicativos da nossa lista, liguem para números de telefone normais. O aplicativo de videochamada é de propriedade da Microsoft hoje em dia, o que significa que o Skype se integra a serviços como o Microsoft Teams.

O que pode acontecer se algo der errado?

O Skype teve alguns problemas com a privacidade no passado, principalmente quando veio à tona que a Microsoft, proprietária do Skype, permitiu que os trabalhadores contratados na China ouvissem chamadas do Skype "sem medidas de segurança" em vigor. Desde então, mudou essa prática, mas é um bom lembrete de que mesmo empresas com práticas de segurança decentes podem lidar com seus dados e conversas privadas de forma desleixada. Como o Skype é popular há vários anos, se tornou um alvo para ataques de malware e phishing. Os usuários podem configurar a autenticação de dois fatores no Skype, que recomendamos para ajudar a evitar que a sua conversa com a vovó seja invadida por algum troll furioso. O Skype não usa a criptografia de ponta a ponta mais forte em chamadas de telefone ou vídeo, buu! Os usuários podem proteger seus bate-papos de texto habilitando “conversas privadas”. A Microsoft coleta uma quantidade razoável de dados e diz que pode compartilhá-los com terceiros, como Facebook e Verizon, para fins de propaganda. Também diz que combina dados com terceiros, como corretoras de dados, que podem incluir sua localização. Isso não é bom. Também, infelizmente, não é incomum.

mobile Privacidade aviso Segurança Inteligência artificial

Pode me bisbilhotar? informações

Câmera

Dispositivo: Não aplicável

Aplicativo: Sim

Microfone

Dispositivo: Não aplicável

Aplicativo: Sim

Rastreia localização

Dispositivo: Não aplicável

Aplicativo: Sim

O que pode ser usado para se inscrever?

Os usuários podem fazer login com seu email ou número de telefone. O Skype também adicionou recentemente um recurso chamado Meet Now que possibilita que qualquer pessoa crie e compartilhe uma chamada do Skype sem se inscrever no Skype por meio de um link Meet Now criado no site do Skype.

Que dados a empresa coleta?

Como a empresa usa esses dados?

A Microsoft usa dados para anunciar e divulgar para você, o que inclui o envio de comunicações promocionais, direcionamento de propaganda e apresentação de ofertas. Ela usa seus dados para direcionar propaganda nas propriedades da web da Microsoft. Também permite que vários parceiros, como Verizon e Facebook, coletem dados sobre sua atividade online para fins de propaganda e coloquem seus próprios anúncios. A Microsoft também combina extensivamente seus dados com terceiros, como corretoras de dados para dados demográficos, provedores de serviços que ajudam a determinar a localização do seu dispositivo, parceiros de marketing, terceiros que oferecem experiências por meio de produtos da Microsoft e fontes publicamente disponíveis, como bancos de dados governamentais abertos.

Como você pode controlar seus dados?

A maioria dos dados pode ser acessada ou controlada por meio do Painel de Privacidade da Microsoft. Os detalhes de retenção de dados são indicados na parte da política de privacidade de difícil acesso e não incluem prazos de retenção claros. O Skype permite que os anfitriões adicionem e removam pessoas de chamadas, silenciem os usuários, alternem entre ativar e desativar o vídeo e as legendas, compartilhem a tela, enviem uma reação de emoji e gravem chamadas. Quem paga pelo Skype for Business pode escolher quem tem autorização para entrar, desativar mensagens instantâneas, silenciar todos os participantes e bloquear o vídeo dos participantes.

Qual é o histórico conhecido da empresa na proteção de dados dos usuários?

Precisa de melhorias

Em janeiro de 2020, foi relatado que o Skype estava usando trabalhadores contratados na China para ouvir chamadas do Skype sem supostas medidas de segurança em vigor. A empresa também compartilhou as credenciais de login dos usuários com fornecedores. O porta-voz da empresa alegou que a empresa encerrou seus programas de classificação para o Skype. Também em janeiro de 2020, um relatório revelou que 250 milhões de registros de clientes da Microsoft, abrangendo 14 anos, foram expostos online sem proteção por senha.

Este produto pode ser usado offline?

Não aplicável

Informações de privacidade fáceis de entender?

Não

Foi difícil encontrar respostas para algumas perguntas essenciais. Por exemplo, que tipo de dados são coletados ou quais são os períodos de retenção de dados. Além disso, a política é para tudo da Microsoft, por isso é difícil, se não impossível, encontrar informações específicas do Skype.

Links para informações de privacidade

Este produto atende aos nossos padrões mínimos de segurança? informações

Sim

Criptografia

Sim

Chamadas e videochamadas não têm criptografia de ponta a ponta. Os chats não são criptografados de ponta a ponta por padrão, mas esse recurso pode ser habilitado para as supostas "conversas privadas".

Senha forte

Sim

Não existe nenhum recurso de reunião protegido por senha para o Skype. Para iniciar sessão no Skype, é necessária uma senha forte.

Atualizações de segurança

Sim

A Microsoft envia atualizações de segurança regulares para seus produtos de comunicação

Gerencia vulnerabilidades

Sim

A Microsoft tem um programa de recompensas pela descoberta de bugs para vulnerabilidades de segurança

Política de privacidade

Sim

Política de privacidade bastante complicada, mas holística. Nenhuma política separada para o Skype, mas geral para a Microsoft.

O produto usa inteligência artificial? informações

Sim

Com os recursos de tradução do Skype, ele coleta e usa sua conversa para fornecer o serviço de tradução. Com sua permissão, seus dados podem ser usados para ajudar a melhorar os produtos e serviços da Microsoft. Para ajudar a tecnologia de tradução e reconhecimento de fala a aprender e crescer, frases e transcrições automáticas são analisadas e quaisquer correções são inseridas no sistema Microsoft, para melhorar o produto.

Esta inteligência artificial não é confiável?

Não foi possível determinar

Que tipo de decisões a inteligência artificial faz sobre você ou por você?

A empresa é transparente sobre como funciona a inteligência artificial?

Sim

O usuário tem controle sobre os recursos da inteligência artificial?

Não foi possível determinar


Novidades

Microsoft listened to Skype calls with 'no security' to protect recordings, report says
CNET
A Microsoft effort to improve Skype calls and the Cortana virtual assistant by listening in on user interactions reportedly had "no security measures" in place to protect data. Contract workers in China were able to access recordings via a web app from personal computers in their homes, according to a Friday report in The Guardian.
Is Skype Safe and Secure? What are the Alternatives?
Comparitech
If you use Skype, should you be concerned about your security and privacy? We take a look and investigate some more secure alternatives.
Skype rolls out 'Meet Now' calls that don't need a sign-up or installation
Engadget
With Meet Now, hosts can create and share a free meeting with just three clicks, according to the company. Even the host doesn't need to have Skype installed -- you can start the process from its website right here -- and then invite people either using a simple link or the share button.
Skype now offers end-to-end encrypted conversations
The Verge
But it’s opt-in and not on by default
Skype audio graded by workers in China with 'no security measures'
The Guardian
Exclusive: former Microsoft contractor says he was emailed login after minimal vetting
Microsoft Security Shocker As 250 Million Customer Records Exposed Online
Forbes
A new report reveals that 250 million Microsoft customer records, spanning 14 years, have been exposed online without password protection.
Skype Privacy Settings
Kaspersky Lab
Learn how to change your privacy settings on Skype
Skype phishing attack targets remote workers
TechRadar
Remote workers have been warned to take extra care when using video conferencing software after a new phishing scam was uncovered.
Skype says it respects your privacy while sharing link that says it uses third-party data
Windows Central
The Skype Twitter account recently tried to ride the wave of WhatsApp hate. WhatsApp came under fire after the service changed its privacy policies. With many people on the hunt for the best WhatsApp alternatives, Skype tried to draw in some more people. Unfortunately for the Skype team, they didn't get the response they were likely hoping for.

Comentários

Tem um comentário a fazer? Nos diga.