iPad da Apple

iPad da Apple

Apple
WiFi Bluetooth

Data da avaliação: 9 de Novembro de 2022

|
A Mozilla investigou por 8 horas
|

Opinião da Mozilla

|
Votos das pessoas: Não é assustador

O tablet que mudou como vemos TV na cama, como as crianças jantam em restaurantes e como nossos pais tiram fotos. Do pequeno iPad Mini ao iPad Pro de 12,9 polegadas, provavelmente não há um dispositivo de computador mais fácil de usar conhecido pela raça humana.

O que pode acontecer se algo der errado?

Como empresa, a Apple faz um ótimo trabalho quando o assunto é privacidade e segurança. Eles tiveram alguns problemas sérios de segurança, incluindo um caso em 2022 que deu a hackers o controle total de iPhones, iPads e Macs. E outro caso de vulnerabilidade de segurança que resultou em spyware que permitia que hackers gravassem ligações e mensagens, e até mesmo ligassem a câmera e o microfone sem que o usuário ficasse sabendo. O bom da Apple quando o assunto é segurança é que a empresa parece levar essas violações de segurança muito a sério, consertando o problema rapidamente e comunicando seus usuários com clareza sobre o que precisam fazer para se manter em segurança. Então não deixem de atualizar seus aparelhos! E levem os avisos de segurança da Apple a sério quando eles aparecerem. Isso é um bom lembrete de que até mesmo as maiores empresas do mundo podem estar vulneráveis a bugs e violações de segurança de alto nível.

No que diz respeito à privacidade, sim, a Apple costuma ser melhor que outras empresas de tecnologia (alguém falou Meta, Amazon ou Samsung?) nesse aspecto. Ela não é  perfeita, claro, mas parece fazer um trabalho melhor ao coletar menos dados, porque não estão tentando vender um monte de anúncios, como Google ou Facebook (pelo menos por enquanto).

A Apple diz que pode coletar coisas como nome, e-mail, idade, localização, informações sobre o dispositivo, dados de contato e mais. A boa notícia é que a Apple trata todas essas informações como dados pessoais. Então, coisas como a identidade do dispositivo e afins são tratadas com o mesmo grau de segurança que seu nome e idade. Isso é ótimo. E a Apple afirma que não compartilha ou vende seus dados, o que também é ótimo. A empresa diz também que pode compartilhar seus dados com alguns terceiros selecionados, como parceiros de negócios, provedores de serviços e outros, desde que você permita. De forma geral, esse compartilhamento parece algo normal, tendo em vista os serviços que fornecem.

E a Apple também informa que pode enviar alguns anúncios personalizados nas suas plataformas. A Apple direciona anúncios para você no Apple News ou na App Store, e oferece a opção de não receber esses anúncios personalizados por meio do seu ID Apple, que cancelará o envio desses anúncios em todos os seus dispositivos Apple. No entanto, é bom ficar de olho em como a Apple gerencia seus anúncios. No momento, não é muito preocupante para nós, mas isso pode mudar à medida em que eles decidirem aumentar seus ganhos com anúncios.

Quando se trata de assistentes por voz com Inteligência Artificial, a Siri é um pouco mais consciente quanto à privacidade do que outros, como a Alexa da Amazon. A Apple diz que toma cuidados especiais para garantir que suas solicitações à Siri não sejam associadas a você, o que é muito bom. E, em 2021, a Apple realizou uma mudança positiva nas suas solicitações por voz à Siri – muitas solicitações por áudio para coisas como definir timers e alarmes ou controlar música não são mais enviadas aos servidores pela internet. Em vez disso, elas são processadas diretamente no HomePod. E quaisquer informações utilizadas para personalização nos seus aparelhos da Apple são sincronizadas na iCloud, usando criptogradia de ponta a ponta. Isso tudo é bom para sua privacidade. A Apple foi criticada em 2019, quando foi revelado que contratados da empresa estavam regularmente escutando conversas pessoais confidenciais na hora de revisar gravações do assistente por voz. A Apple mudou sua política para que a permissão dos usuários para submeter suas solicitações à revisão humana não seja automática.

Qual a pior coisa que poderia acontecer? Bem, a Apple não é perfeita e tem como melhorar. Além disso, a empresa parece estar buscando formas de aumentar seu negócio de anúncios. Este é um bom momento para lembrar as pessoas de que a política de privacidade da Apple – assim como todas as políticas de privacidade que lemos – tem uma cláusula que diz: “Também podemos revelar informações sobre você quando houver uma base legal para isso, se determinarmos que isso seja razoavelmente necessário para atender aos nossos termos e condições, ou para proteger nossas operações e usuários, ou em caso de uma reorganização, fusão ou venda.” Então, por mais que a Apple esteja agindo de forma correta agora, não há garantias de que a empresa não reorganize seus negócios ou altere suas práticas de privacidade no futuro. Se isso ocorrer, as informações pessoais que você confia à empresa podem se tornar mais vulneráveis ou valiosas. Mas estamos na torcida para que a Apple continue sendo uma das melhores empresas do segmento. 🤞🏼

Dicas para se proteger

  • Defina uma senha forte no seu iPad.
  • Siga as diretrizes de privacidade e segurança da Apple.
  • Tenha cuidado com os aplicativos que você instala no seu dispositivo, pois alguns deles podem ser invasivos à privacidade.
  • Você pode dizer "E aí, Siri. Pare de ouvir." para desligar o reconhecimento de voz por um tempo.
  • Mantenha seu iPad sempre atualizado.

mobile Privacidade aviso Segurança Inteligência artificial

Pode me bisbilhotar? informações

Câmera

Dispositivo: Sim

Aplicativo: Não aplicável

Microfone

Dispositivo: Sim

Aplicativo: Não aplicável

Rastreia localização

Dispositivo: Sim

Aplicativo: Não aplicável

O que pode ser usado para se inscrever?

Que dados a empresa coleta?

Como a empresa usa esses dados?

"A Apple não vende seus dados, incluindo sob a definição de “venda” nos estados de Nevada e Califórinia. ”

"A Apple usa dados pessoais para habilitar seus serviços, processar suas transações, se comunicar com você, por motivos de segurança e prevenção de fraudes, e para estar em conformidade com a lei. Também podemos usar dados pessoais para outros fins, desde que com seu consentimento.

A Apple usa seus dados pessoais somente quando tem uma base legal para isso. Dependendo das circunstâncias, a empresa pode contar com o seu consentimento ou com o fato de que o processamento é necessário para desempenhar um contrato que tem com você, proteger seus interesses vitais ou os de terceiros, ou para estar em conformidade com a lei. Nós também podemos processar seus dados pessoais quando acreditarmos que isso está em nossos legítimos interesses, ou nos de terceiros, levando em conta seus interesses, direitos e expectativas. Se tiver alguma pergunta sobre a base legal, entre em contato com o Responsável por Proteção de Dados em apple.com/legal/privacy/contact."

A Apple afirma não compartilhar seus dados com terceiros para motivos comerciais ou de marketing. Em junho de 2021, a Apple comunicou que não enviará solicitações à Siri para seus servidores, mas que as processará no nível do dispositivo.

A Apple diz que pode enviar a você anúncios sobre seus serviços, e que você pode optar por cancelar o recebimento de anúncios direcionados, se preferir. “Os anúncios enviados pela plataforma de publicidade da Apple podem aparecer no Apple News, Bolsa ou na App Store. Caso não deseje receber anúncios direcionados de acordo com seus interesses pela plataforma de publicidade da Apple nesses apps, você pode optar por desativar os Anúncios Personalizados, o que fará com que seu ID Apple deixe de receber tais anúncios, independentemente do dispositivo que estiver usando.”

Como a empresa afirma que poderá compartilhar dados com as autoridades:

A Apple também pode revelar informações sobre você se determinar que isso seja necessário ou apropriado para efeitos de segurança nacional, estar em conformidade com a lei ou outros assuntos de importância pública.

Como você pode controlar seus dados?

"A Apple retém seus dados apenas pelo tempo necessário para realizar os propósitos para os quais eles foram coletados, incluindo o que foi especificado nesta Política de Privacidade ou nos avisos de privacidade específicos para nossos serviços, ou conforme exigido pela lei. Vamos reter seus dados pessoais pelo período necessário para realizar os propósitos descritos nesta Política de Privacidade e aos resumos de privacidade específicos para nossos serviços. Ao avaliar os períodos de retenção de dados, primeiro analisamos cuidadosamente a necessidade de retê-los e, caso seja necessário, trabalhamos para reter os dados pessoais pelo período mais curto possível de acordo com a lei.”

A Apple proporciona a você o direito de excluir ou acessar seus dados.

"Podem ocorrer situações em que não teremos como realizar sua solicitação – por exemplo, se você nos pedir para excluir os dados de suas transações e a Apple estiver obrigada a manter um registro dessas transações para estar em conformidade com a lei. Também podemos negar uma solicitação se essa solicitação nos obrigar a violar nosso uso legítimo de tais dados para motivos de evitar fraudes ou por motivos de segurança, como, por exemplo, solicitar a exclusão de uma conta que esteja sendo investigada por questões de segurança. Outras situações que podem impedir a realização de sua solicitação incluem se ela colocar a privacidade de outras pessoas em risco, for frívola ou vexatória, ou se for extremamente impraticável.”

Qual é o histórico conhecido da empresa na proteção de dados dos usuários?

Precisa de melhorias

Em 2022, a Apple identificou e corrigiu vulnerabilidades significativas à segurança, uma das quais teria dado a hackers a possibilidade de assumir o controle de dispositivos iOS.

Em 2022, a Apple teria supostamente entregado dados de usuários a hackers que fingiram ser integrantes das autoridades e falsificaram solicitações para essas informações.

Em 2021, a Apple foi sujeita a uma vulnerabilidade séria de segurança por spyware, chamada Pegasus, que infectou iPhones e outros dispositivos Apple.

Em 2021, foi revelado um grande vazamento de dados de 61 milhões de relatórios de rastreamento de fitness, incluindo os dados do Healthkit da Apple, pela empresa terceirizada GetHealth. Em setembro de 2021, um grupo de pesquisadores de segurança descobriu que a GetHealth tinha uma base de dados insegura contendo mais de 61 milhões de relatórios relacionados à tecnologia wearable e a serviços de fitness. A GetHealth acessou dados de saúde de usuários de dispositivos wearable ao redor do mundo e vazou essas informações em uma base de dados não criptografada e sem senha. A lista continha nomes, datas de nascimento, peso, altura, sexo e localização geográfica, além de outros dados médicos, como pressão sanguínea.

Informações de privacidade infantil

"A Apple entende a importância de proteger dados pessoais de crianças, quem consideramos ser pessoas com menos de 13 anos de idade ou a idade equivalente, tal qual especificada na sua jurisdição. É por isso que a Apple implementou processos e proteções adicionais para ajudar a manter os dados pessoais de crianças em segurança.

Para ter acesso a certos serviços da Apple, uma criança precisa ter um ID Apple para crianças. Um ID Apple para crianças pode ser criado pelo seu pai ou mãe, ou, no caso de um ID Apple Gerenciado, pela instituição de educação da criança."

Este produto pode ser usado offline?

Sim

Informações de privacidade fáceis de entender?

Sim

A Apple tem uma página online destacando seus princípios e recursos de privacidade. A Apple inicia sua política de privacidade com uma declaração de princípios. Enquanto essa declaração é consideravelmente longa, ela está claramente dividida em tópicos relevantes.

Links para informações de privacidade

Este produto atende aos nossos padrões mínimos de segurança? informações

Sim

Criptografia

Sim

Utiliza criptografia em trânsito e em uso estático.

Senha forte

Sim

Atualizações de segurança

Sim

Gerencia vulnerabilidades

Sim

A Apple tem um programa de caça a bugs.

Política de privacidade

Sim

O produto usa inteligência artificial? informações

Sim

Algumas das pesquisas sobre Inteligência Artificial realizadas pela Apple podem ser encontradas em https://machinelearning.apple.com/.

Esta inteligência artificial não é confiável?

Não foi possível determinar

Que tipo de decisões a inteligência artificial faz sobre você ou por você?

A Apple afirma na sua Política de Privacidade que "a Apple não toma nenhuma decisão envolvendo o uso de algoritmos ou perfilamento que afete você de forma significativa". A Apple se utiliza do aprendizado de máquina de muitas formas diferentes, desde para aprimorar a Siri até para aumentar a nitidez das fotos que você tira.

A empresa é transparente sobre como funciona a inteligência artificial?

Sim

O usuário tem controle sobre os recursos da inteligência artificial?

Sim

*privacidade não incluída

Mergulhe mais fundo

  • Apple and Meta Gave User Data to Hackers Who Used Forged Legal Requests
    Bloomberg
  • Apple security flaw ‘actively exploited’ by hackers to fully control devices
    The Guardian
  • Apple Issues Emergency Security Updates to Close a Spyware Flaw
    The New York Times
  • 61M Fitbit, Apple Users Had Data Exposed in Wearable Device Data Breach
    Health IT Security
  • Security News This Week: Fake Cops Scammed Apple and Meta to Get User Data
    Wired
  • Apple’s AI plan: a thousand small conveniences
    The Verge
  • Apple overhauls Siri to address privacy concerns and improve performance
    The Guardian
  • Apple Rolls Out Major New Privacy Protections For iPhones And iPads
    NPR
  • Apple Data Breaches: Full Timeline Through 2021
    Firewall Times
  • Improving Siri’s privacy protections
    Apple

Comentários

Tem um comentário a fazer? Nos diga.