Tablets Amazon Fire HD

Aviso: *privacidade não incluída neste produto

Tablets Amazon Fire HD

Amazon
WiFi Bluetooth

Data da avaliação: 1 de Novembro de 2023

|
A Mozilla investigou por 8 horas
|

Opinião da Mozilla

|
Votos das pessoas: Muito assustador

Hoje parece que a maioria de nós tem a capacidade de atenção de um mosquito. Poderia ser porque é tão fácil comprar um dispositivo que te permite ler livros, assistir a vídeos, jogar, ouvir música, navegar na web, comprar toalhas de papel, gerenciar sua câmera de campainha e perguntar à Alexa qual é o nome do meio do Papai Noel ao mesmo tempo? A Amazon agora tem várias versões de seus tablets Fire, incluindo duas versões separadas para crianças. Pena que a Amazon foi totalmente pega em 2023 por violar a lei de privacidade infantil quando se trata de proteger a privacidade das crianças e respeitar os desejos de privacidade dos pais.

O que pode acontecer se algo der errado?

A Amazon afirma orgulhosamente que "não está no negócio de vender suas informações pessoais a outras pessoas." Verdade. Mas a Amazon não precisa vender suas informações pessoais para outras pessoas quando elas têm seu próprio gigante de varejo e publicidade para usar seus dados para vender mais coisas. Porque a Amazon está no negócio de vender mais coisas para você. E não é apenas a Amazon que espera vender coisas para você. A Amazon tem um programa completo para que outras empresas também vendam produtos em seus sites. E esses vendedores podem usar os dados que a Amazon coleta sobre você para direcioná-lo às mercadorias que eles querem vender.Assim, embora a Amazon possa não estar no negócio de vender suas informações pessoais, ela está no negócio de coletar o máximo possível de suas informações pessoais e, em seguida, vender o acesso a essas informações pessoais a terceiros para direcioná-las a anúncios e vender mais coisas.

E para fazer isso, a Amazon gosta de coletar uma enorme quantidade de dados sobre você. Coisas como: registros de seus hábitos de compras, solicitações de pesquisa Alexa, os livros que você lê, os programas de TV que você assiste e quando os assiste, a música que você transmite, os podcasts que você ouve, quando você liga e desliga suas luzes, quando você tranca suas portas, identificadores como seu nome, endereço, números de telefone ou endereço IP, sua idade, gênero, sua localização, informações audiovisuais como as solicitações Alexa ou fotos que você tira, os nomes e números de pessoas listadas em seus contatos. A lista continua sem parar. E a Fire TV da Amazon pode coletar muitos dados sobre o uso do seu dispositivo, o uso do aplicativo e a dados de visualização over-the-air (OTA).

E o que a Amazon faz com todas essas informações pessoais que coleta a seu respeito? Bem, ela as utiliza para direcionar publicidade para você, é claro. MUITA publicidade. Ela diz que não usa informações que o identifiquem pessoalmente para exibir anúncios baseados em interesses (é claro, temos que acreditar na palavra dela). A empresa também usa suas informações pessoais para identificar suas preferências e personalizar produtos e serviços para mantê-lo usando esses produtos e serviços o máximo possível. E diz que pode compartilhar essas informações pessoais com terceiros.

E quando dizemos terceiros, não sabemos exatamente quantos, porque a Amazon não compartilha essa informação. Presumimos que são muitos terceiros porque ela afirma que pode compartilhar seus dados com qualquer pessoa de todas as empresas cujos serviços ela utiliza para fornecer serviços de terceiros. Isso engloba empresas que a ajudam a fazer marketing, gerenciar riscos de crédito, analisar dados, enviar correspondência e e-mail e muito mais. Depois, há os terceiros que oferecem serviços, produtos, aplicativos e habilidades Alexa por meio da Amazon Services. Há também os parceiros de negócios e outras empresas que a Amazon compra que também podem ter acesso aos seus dados. Considerando que a Amazon é um império gigantesco – Ring, Blink, Eero, Whole Foods e muito mais –, seus dados podem potencialmente acabar em inúmeros lugares.

Vamos falar um pouco sobre a Alexa. A inteligência artificial útil da Amazon, que está integrada em tudo, desde seu alto-falante inteligente Echo até seu fone de ouvido e seu controle remoto, vem com seu próprio conjunto de perguntas e preocupações. A Amazon torna possível excluir automaticamente as gravações de voz imediatamente após o processamento. Esse é um bom recurso após a controvérsia em torno de revisores humanos ouvindo gravações de voz da Alexa. No entanto, a Amazon diz que quando você exclui suas gravações de voz, eles ainda podem manter os dados das interações que essas gravações acionaram. Então, se você comprar um teste de gravidez através da Amazon Alexa, a Amazon não vai esquecer que você comprou aquele teste de gravidez só porque você pediu a eles para excluir a gravação de voz dessa compra. Esse registro da compra são dados que eles mantêm sobre você e podem usar para segmentar anúncios para mais coisas.

E depois há o Alexa Skills, pequenos aplicativos que você usa para interagir com a Alexa. Essas skills podem ser desenvolvidas por praticamente qualquer pessoa com, hmmm, habilidades. As políticas de privacidade de terceiros de muitas das skills são enganosas, incompletas ou simplesmente inexistentes, de acordo com um estudo recente. Quando seus dados são processados por uma skill da Alexa, excluir suas gravações de voz não apaga os dados que o desenvolvedor dessa skill coleta sobre você. Com mais de 100.000 skills da Alexa por aí, muitas delas desenvolvidos por terceiros, agora seus dados estão passeando em lugares que você nunca imaginou.

Ah, não vamos esquecer o histórico terrível, horrível e nada bom da Amazon em proteger e respeitar os dados de seus clientes. Até agora, apenas em 2023, a Amazon foi acusada pela FTC nos EUA por violar as leis de privacidade das crianças, mantendo gravações de voz e dados de localização das crianças por anos e dificultando as solicitações de exclusão dos pais dos dados de seus filhos. Isso fez com que a Amazon concordasse em pagar uma multa de US$ 25 milhões. Em seguida, a Amazon foi processada pela FTC por inscrever pessoas no Amazon Prime sem o consentimento delas e, em seguida, dificultar muito o cancelamento da assinatura. A Amazon também teve que se contentar com a FTC novamente por US$ 5,8 milhões por falta de privacidade e segurança em suas câmeras Ring, que permitem que os funcionários espionem os clientes através das câmeras. Droga, no ano passado, nós da *Privacy Not Included encontramos uma vulnerabilidade de segurança nas câmeras Ring e relatamos à Amazon para corrigir. Eles, até onde sabemos, não fizeram nada para corrigir esse problema de segurança. Tudo isso e, em seguida, em setembro de 2023, a FTC e 17 procuradores-gerais estaduais dos EUA processaram a Amazon por "manter ilegalmente o poder de monopólio".

Isso é tudo apenas em 2023. Se você olhar mais para trás, encontrará mais problemas com a Amazon. Há o funcionário da Amazon que foi pego roubando as informações pessoais de mais de 100 milhões de clientes da CapitolOne. E essa não é a única vezque funcionários da Amazon com acesso a muitos dados de clientes foram pegos vazando informações pessoais de clientes. Já aconteceu algumas vezes, na verdade. E depois há o bug de segurança da Alexa que abriu a porta para os hackers acessarem potencialmente as informações pessoais dos usuários e até mesmo seu histórico de conversas. Estes são alguns dos problemas conhecidos de privacidade e segurança que a Amazon teve (também pode haver outros mais desconhecidos). E nós entendemos, a Amazon é uma empresa enorme, com muitos produtos e funcionários e é impossível garantir tudo 100% do tempo. Mas esse é o ponto. Quando você coleta uma quantidade tão grande de informações pessoais sobre as pessoas, você tem que ser super, ultra, extra cuidadoso para protegê-las em todos os lugares, o tempo todo. A Amazon mostrou que nem sempre pode fazer isso.

Então, qual é a pior coisa que pode acontecer? Bem, a Amazon poderia aprender todos os programas que você gosta de assistir e começar a segmentar você com anúncios para todos os outros serviços de streaming. Você não pode resistir e se junta a todos eles, levando você à falência porque existem muitos benditos serviços de streaming nos dias de hoje! Se você quer que a Amazon pare de tentar vender mais coisas, você pode (e deve!) desativar a coleta e processamento de alguns dados. Então, sim, enquanto a Amazon não vende suas informações pessoais, eles com certeza absuam para mostrar mais coisas para você comprar.

Mais uma observação sobre a Amazon do ponto de vista de um pesquisador de privacidade. Tentar interpretar a louca rede de políticas de privacidade, FAQs de privacidade, declarações de privacidade, avisos de privacidade e documentação de privacidade da Amazon para todo o seu vasto império é um pesadelo. São tantos documentos que se ligam a outros documentos que se interligam a ainda mais documentos, que entender e dar sentido às práticas de privacidade reais da Amazon parece quase impossível. Será que isso é intencional para nos confundir e assim desistirmos? Ou será que talvez até mesmo os próprios funcionários da Amazon não conhecem e entendem a vasta rede de políticas de privacidade e documentações espalhadas por todo o lugar? Independentemente disso, este pesquisador de privacidade adoraria ver a Amazon se sair melhor na hora de dar acesso às suas políticas de privacidade para os consumidores que eles impactam.

Dicas para se proteger

  • Gerencie suas preferências para terceiros e redefina seus IDs de publicidade da Alexa, visitando Configurações > Privacidade da Alexa > Gerenciar permissões de habilidades e preferências de anúncios no aplicativo Alexa e nos dispositivos Echo Show.
  • Desative os anúncios baseados em interesses entregues pela Amazon na Alexa. Você pode gerenciar essa configuração em Configurações > Privacidade da Alexa > Gerenciar seus dados da Alexa no aplicativo Alexa e nos dispositivos Echo Show.
  • Gerencie suas configurações de privacidade da Alexa
  • Ative "Não enviar gravações de voz"
  • Desligue o microfone quando não estiver em uso
  • Exclua seu histórico de voz regularmente ou defina uma exclusão automática dos dados de voz antigos
  • Limite o uso das skills da Alexa somente aos mais confiáveis
  • Ao utilizar as skills da Amazon, lembre-se de que elas não seguem a política de privacidade da Amazon. É melhor não compartilhar dados confidenciais com os desenvolvedores das skills.
  • Configure o Modo Anônimo ao usar o aplicativo para proteger seus dados
  • Não se cadastre com contas de terceiros. É melhor acessar com e-mail e senha forte.
  • Use uma senha forte! Você pode usar uma ferramenta de controle de senha como o 1Password, KeePass, etc.
  • Use os controles de privacidade do seu dispositivo para limitar o acesso a seus dados pessoais por meio do app (não dê acesso à sua câmera, microfone, imagens e localização, a não ser que seja necessário)
  • Mantenha seu aplicativo sempre atualizado
  • Limite o rastreamento de anúncios no seu dispositivo (por exemplo, no iPhone, acesse Privacidade -> Publicidade -> Limitar rastreamento de anúncios) e principais redes de anúncios (para o Google, acesse sua conta Google e desative os anúncios personalizados)
  • Solicite que seus dados sejam excluídos quando você parar de usar o aplicativo. A simples exclusão de um aplicativo do dispositivo normalmente não apaga seus dados pessoais.
  • Ao começar o registro, não concorde com o rastreamento dos seus dados, se possível.
  • mobile

Pode me bisbilhotar? informações

Câmera

Dispositivo: Sim

Aplicativo: Não aplicável

Microfone

Dispositivo: Sim

Aplicativo: Não aplicável

Rastreia localização

Dispositivo: Sim

Aplicativo: Não aplicável

O que pode ser usado para se inscrever?

Que dados a empresa coleta?

Como a empresa usa esses dados?

Utilizamos este produto para partilhar dados pessoais, incluindo geolocalização, idade, raça, sexo, orientação sexual ou outras classificações protegidas; e combinar dados sobre si com dados recebidos de terceiros.

Aviso de Privacidade da Amazon.com

"Exemplos de informações que recebemos de outras fontes incluem:
< ...>
- informações de conta, informações de compra ou resgate e informações de visualização de página de alguns comerciantes com os quais operamos negócios de marca conjunta ou para os quais fornecemos serviços técnicos, de atendimento, de publicidade ou outros;
- informações sobre suas interações com produtos e serviços oferecidos por nossas subsidiárias;
- resultados de pesquisa e links, incluindo anúncios pagos (como Links Patrocinados);
- informações sobre dispositivos e serviços conectados à Internet vinculados à Alexa; e
- informações de histórico de crédito de agências de crédito, que usamos para ajudar a prevenir e detectar fraudes e oferecer certos serviços de crédito ou financeiros a alguns clientes."

"Publicidade. Usamos suas informações pessoais para exibir anúncios baseados em interesses para recursos, produtos e serviços que possam ser de seu interesse. Não usamos informações que o identifiquem pessoalmente para exibir anúncios baseados em interesses. Para saber mais, leia nosso aviso de anúncios com base em interesses."

"Anunciantes de terceiros e links para outros sites: os Serviços da Amazon podem incluir publicidade de terceiros e links para outros sites e aplicativos. Parceiros de publicidade de terceiros podem coletar informações sobre você quando você interage com seu conteúdo, publicidade e serviços. Para obter mais informações sobre publicidade de terceiros na Amazon, incluindo anúncios baseados em interesses, leia nosso aviso de anúncios baseados em interesses."

"Uso de Serviços de Publicidade de Terceiros: Fornecemos às empresas de publicidade informações que lhes permitem veicular anúncios da Amazon mais úteis e relevantes e medir sua eficácia. Nunca compartilhamos seu nome ou outras informações que o identifiquem diretamente quando fazemos isso. Em vez disso, usamos um identificador de publicidade, como um cookie, um identificador de dispositivo ou um código derivado da aplicação de criptografia irreversível a outras informações, como um endereço de e-mail."

"Fornecemos às empresas de anúncios informações que lhes permitem veicular anúncios da Amazon mais úteis e relevantes e medir sua eficácia. Nunca compartilhamos seu nome ou outras informações que o identifiquem diretamente quando fazemos isso. Em vez disso, usamos um identificador de publicidade, como um cookie, um identificador de dispositivo ou um código derivado da aplicação de criptografia irreversível a outras informações, como um endereço de e-mail. "

"Exemplos de informações que recebemos de outras fontes incluem:
informações atualizadas de entrega e endereço de nossas transportadoras ou de outros terceiros, que usamos para corrigir nossos registros e entregar sua próxima compra ou comunicação com mais facilidade;
informações de conta, informações de compra ou resgate e informações de visualização de página de alguns comerciantes com os quais operamos negócios de marca conjunta ou para os quais fornecemos serviços técnicos, de atendimento, de publicidade ou outros;
informações sobre suas interações com produtos e serviços oferecidos por nossas subsidiárias;
resultados de pesquisa e links, incluindo anúncios pagos (como Links Patrocinados);
informações sobre dispositivos e serviços conectados à Internet vinculados à Alexa; e
informações de histórico de crédito de agências de crédito, que usamos para ajudar a prevenir e detectar fraudes e oferecer certos serviços de crédito ou financeiros a alguns clientes."

Divulgações Adicionais de Privacidade Específicas do Estado

"Nos doze meses anteriores à data efetiva desta Divulgação, a Amazon não vendeu nenhuma informação pessoal dos consumidores, conforme esses termos são definidos sob a Lei de Privacidade do Consumidor da Califórnia."

"As informações pessoais que a Amazon divulgou a terceiros <...> nos doze meses anteriores à data de vigência desta Divulgação se enquadram nas seguintes categorias <...>:
- identificadores como seu nome, endereço, números de telefone, endereço IP ou um identificador do governo <...>;
- informações pessoais, como um número de cartão de crédito ou outras informações de pagamento <...>;
- informações que podem revelar idade, sexo, raça, orientação sexual ou outras classificações protegidas <... >; - informações comerciais <...>;
- informações de internet ou outras informações
de atividade de rede eletrônica, <...>;
- dados de geolocalização, que podem constituir dados de geolocalização precisos <...>;
- informações de áudio ou visuais <...>;
- informações de educação <...>;
- informações profissionais <...>; e
- dados de inferência <...>"

"Quaisquer informações pessoais que a Amazon possa ter compartilhado para fins de publicidade comportamental entre contextos <...> nos doze meses anteriores à data de vigência desta Divulgação se enquadram nas seguintes categorias:
- identificadores, como um cookie, um identificador de dispositivo ou um código derivado da aplicação de criptografia irreversível a outras informações, como um endereço de e-mail; nunca compartilhamos seu nome ou outras informações que o identifiquem diretamente.
- Internet ou outras informações de atividade de rede eletrônica <...>.
- dados de inferência; <...>, podemos compartilhar um identificador de publicidade e uma estimativa do valor dos anúncios que eles mostram em nosso nome para que eles possam veicular anúncios da Amazon mais eficazes."

Alexa e perguntas frequentes sobre dispositivos Alexa

Embora as gravações de voz não sejam usadas para personalização de anúncios, as transcrições das gravações e a lista de ações que a Alexa executou em resposta aos seus comandos de voz podem ser.

"Ainda podemos reter outros registros de suas interações com a Alexa, incluindo registros de ações que a Alexa tomou em resposta à sua solicitação. Isso nos permite, por exemplo, continuar a fornecer seus lembretes, cronômetros e alarmes, processar seus pedidos, lembrar as coisas que você ensinou à Alexa e mostrar suas listas de compras e tarefas e mensagens enviadas por meio da Alexa Communications."

"A Alexa usa suas gravações de voz e outras informações, inclusive de serviços de terceiros, para responder às suas perguntas, atender às suas solicitações e melhorar sua experiência e nossos serviços. Associamos suas solicitações à sua conta da Amazon para permitir que você revise suas gravações de voz, acesse outros serviços da Amazon (por exemplo, para que você possa pedir à Alexa que leia seus livros do Kindle e reproduza audiolivros da Audible) e forneça uma experiência mais personalizada. Por exemplo, acompanhar as músicas que você ouviu ajuda a Alexa a escolher quais músicas tocar quando você diz:"Alexa, toque música." Às vezes, a Alexa pode fornecer recomendações com base em suas solicitações. Por exemplo, a Alexa pode recomendar habilidades da Alexa que você pode gostar com base nas habilidades da Alexa que você usa."

Como você pode controlar seus dados?

Analisamos este produto, pois não está claro se todos os usuários, independentemente da localização, podem excluir seus dados. Além disso, os anúncios baseados em interesses são entregues de forma opcional.

"Além disso, na medida exigida pela lei aplicável, você pode ter o direito de solicitar acesso ou excluir suas informações pessoais."

"Mantemos suas informações pessoais para permitir o uso contínuo dos Serviços da Amazon, pelo tempo necessário para cumprir os propósitos relevantes descritos no Aviso de Privacidade da Amazon, conforme permitido ou exigido por lei, ou conforme comunicado a você. Por exemplo, preservamos o seu histórico de transações para que possa rever compras anteriores (e repetir encomendas, se desejar) e os endereços para os quais enviou encomendas, e para melhorar a relevância dos produtos e conteúdos que recomendamos."

"Para gerenciar suas preferências para terceiros e redefinir seus IDs de publicidade da Alexa, visite Configurações > Privacidade da Alexa > Gerenciar permissões de habilidades e preferências de anúncios no aplicativo Alexa e nos dispositivos Echo Show ouhttps://www.amazon.com/alexaprivacysettings. Mesmo que você desative essa configuração, os desenvolvedores e provedores de conteúdo ainda receberão os IDs de publicidade da Alexa para outros fins, como reduzir a repetição de anúncios e a detecção de fraudes, mas você pode redefinir seus IDs de publicidade da Alexa a qualquer momento."

"Você também pode escolher se deseja receber anúncios baseados em interesses entregues pela Amazon na Alexa. Se você optar por não receber anúncios baseados em interesses da Amazon, ainda poderá receber recomendações personalizadas e outros recursos semelhantes. Você ainda receberá anúncios fornecidos pela Amazon, mas eles não serão baseados em seus interesses. Você pode gerenciar essa configuração em Configurações > Privacidade da Alexa > Gerenciar seus dados da Alexa no aplicativo Alexa e nos dispositivos Echo Show ou https://www.amazon.com/alexaprivacysettings."

Qual é o histórico conhecido da empresa na proteção de dados dos usuários?

Ruim

Em setembro de 2023, a FTC entrou com uma ação contra a Amazon por manter ilegalmente o poder de monopólio.

Em julho de 2023, a Apple e a Amazon foram multadas pela agência antitruste da Espanha.

Em junho de 2023, a FTC tomou medidas contra a Amazon por "seu esforço de anos para inscrever os consumidores em seu programa Prime sem o consentimento deles, ao mesmo tempo em que dificultava conscientemente que os consumidores cancelassem suas assinaturas do Prime".

Em junho de 2023, a Mozilla publicou uma grande vulnerabilidade de segurança no Amazon Ring Video Doorbell. A Amazon ainda não corrigiu essa vulnerabilidade de segurança.

Em março de 2023, a FTC e o DOJ acusaram a Amazon de violar a Lei de Privacidade Infantil, mantendo as gravações de voz Alexa das crianças para sempre e ignorando os pedidos de exclusão dos pais.

Em 2023, a empresa também concordou em pagar US$ 5,8 milhões em reembolsos de clientes por supostas violações de privacidade envolvendo sua câmera de campainha Ring.

Em 2022, Paige Thompson, uma ex-funcionária da Amazon acusada de roubar as informações pessoais de 100 milhões de clientes ao invadir o gigante financeiro CapitalOne em 2019, foi considerada culpada por um júri de Seattle sob a acusação de fraude bancária e invasão de computadores.

Em julho de 2021, a Comissão Nacional de Proteção de Dados de Luxemburgo aplicou uma multa de 746 milhões de euros à Amazon por suposta violação do Regulamento Geral de Proteção de Dados da União Europeia (GDPR).

Em agosto de 2020, pesquisadores de segurança da Check Point apontaram uma falha nos dispositivos domésticos inteligentes com Alexa da Amazon que poderia ter dado a hackers acesso a informações pessoais e histórico de conversas. A Amazon prontamente corrigiu a falha.

Em outubro de 2020, a Amazon demitiu um funcionário por vazar endereços de email de clientes para um terceiro não revelado.

Em outubro de 2019, A Forbes noticiou que funcionários da Amazon estavam ouvindo a gravação da Amazon Cloud Cam, para treinar seu algoritmo de IA.

Em abril de 2019, foi revelado que milhares de funcionários, muitos dos quais eram prestadores de serviços e alguns nem mesmo eram contratados diretamente pela Amazon, tinham acesso a transcrições de voz e texto das interações da Alexa.

Informações de privacidade infantil

“A Amazon não vende produtos para compra por crianças. Nós vendemos produtos para crianças para compra por adultos. Se você for menor de 18 anos, você só poderá utilizar o Amazon Services com o envolvimento de um dos pais ou responsável. Não coletamos intencionalmente informações pessoais de crianças menores de 13 anos sem o consentimento dos pais ou responsável pela criança. Para mais informações, consulte nossa Política de Privacidade Infantil.”

Este produto pode ser usado offline?

Não

Informações de privacidade fáceis de entender?

Não

A Amazon tem uma bagunça complicada de várias políticas de privacidade, centros de privacidade, FAQs e páginas de preferência de publicidade, entre outras, que são difíceis de encontrar, navegar, ler e entender.

Links para informações de privacidade

Este produto atende aos nossos padrões mínimos de segurança? informações

Sim

Criptografia

Sim

Senha forte

Sim

É necessária uma conta protegida por senha da Amazon para configurar a Alexa.

Atualizações de segurança

Sim

Gerencia vulnerabilidades

Sim

Política de privacidade

Sim

O produto usa inteligência artificial? informações

Sim

A Alexa fornece algumas informações sobre sua inteligência artificial nas perguntas frequentes da Alexa e nas páginas da Amazon Science: https://www.amazon.com/gp/help/customer/display.html?nodeId=201602230 https://www.amazon.science/tag/alexa

Esta inteligência artificial não é confiável?

Não foi possível determinar

Que tipo de decisões a inteligência artificial faz sobre você ou por você?

A Alexa da Amazon utiliza o processamento de linguagem natural para entender você e gerar respostas às suas solicitações.

A empresa é transparente sobre como funciona a inteligência artificial?

Sim

O usuário tem controle sobre os recursos da inteligência artificial?

Sim

*privacidade não incluída

Mergulhe mais fundo

  • Hey, Alexa! What are you doing with my data?
    Federal Trade Commission O link é aberto em uma nova aba
  • FTC Takes Action Against Amazon for Enrolling Consumers in Amazon Prime Without Consent and Sabotaging Their Attempts to Cancel
    Federal Trade Commission O link é aberto em uma nova aba
  • Mozilla Publishes Ring Doorbell Vulnerability Following Amazon’s Apathy
    Mozilla Foundation O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon settlements highlight concerns about digital privacy protections
    Yahoo! News O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon to Pay $30M for Ring and Alexa Privacy Violations: Tips for Protecting Your Smart Home Data
    CNet O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon to Pay $25 Million to Settle Children’s Privacy Charges
    NY Ties O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon Echo’s privacy issues go way beyond voice recordings
    The Conversation O link é aberto em uma nova aba
  • Tour Amazon’s dream home, where every appliance is also a spy
    The Washington Post O link é aberto em uma nova aba
  • Here’s How Amazon Tracks You in 2022 (and how to stop them)
    All Things Secured O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon Alexa Voice Data Tracking Might Lead To Privacy Issues; How To Prevent It?
    Tech Times O link é aberto em uma nova aba
  • I Want You Back: Getting My Personal Data From Amazon Was Weeks of Confusion and Tedium
    The Intercept O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon demonstrates Alexa mimicking the voice of a deceased relative
    CNBC O link é aberto em uma nova aba
  • Does Amazon Sell Your Personal Information?
    DeleteMe O link é aberto em uma nova aba
  • Column: Do you really want Amazon’s new drugstore knowing your medical condition?
    Los Angeles Times O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon Data Breaches: Full Timeline Through 2022
    Firewall Times O link é aberto em uma nova aba
  • Alexa records you more often than you think
    Vox O link é aberto em uma nova aba
  • 'Alexa, are you invading my privacy?' – the dark side of our voice assistants
    The Guardian O link é aberto em uma nova aba
  • Amazon Echo’s privacy issues go way beyond voice recordings
    The Conversation O link é aberto em uma nova aba
  • Alexa vulnerability is a reminder to delete your voice history
    CNET O link é aberto em uma nova aba
  • Security Researchers Probed 90,194 Amazon Alexa Skills—The Results Were Shocking
    Forbes O link é aberto em uma nova aba
  • ‘Millions of people’s data is at risk’ — Amazon insiders sound alarm over security
    Politico O link é aberto em uma nova aba
  • Study Reveals Extent of Privacy Vulnerabilities With Amazon’s Alexa
    NC State University O link é aberto em uma nova aba

Comentários

Tem um comentário a fazer? Nos diga.