Signal

Signal

Data da avaliação: 8 de Setembro de 2021

|
A Mozilla investigou por 8 horas
|

Opinião da Mozilla

|
Votos das pessoas: Não é assustador

Nós amamos o Signal! O Signal pertence a uma organização sem fins lucrativos. Sua missão é "desenvolver tecnologia de privacidade de código aberto que proteja a liberdade de expressão e permita a comunicação global segura". O que isso significa? Que o Signal é um aplicativo gratuito de mensagens e bate-papo por vídeo, de código aberto e focado na privacidade, e é totalmente incrível. Ele até adicionou suporte para videochamadas em grupo no final de 2020. O Signal não empurra anúncios nem monitora seus dados para tentar ganhar dinheiro com você de alguma forma. Ele conta com doações de usuários generosos para manter seu aplicativo aberto e gratuito para todos. As organizações sem fins lucrativos que abraçam a privacidade para todos são as melhores (aham, a Mozilla também é uma organização sem fins lucrativos que adota a privacidade e depende de doações de usuários generosos para fazer nosso trabalho).

O que pode acontecer se algo der errado?

No início de 2021, quando o WhatsApp (de propriedade do Facebook) anunciou uma mudança em sua política de privacidade, muitos usuários conscientes da privacidade fizeram a mudança para o Signal (eu me lembro bem porque o Signal lutou para aumentar a capacidade do servidor para lidar com todos os novos usuários por um tempo. Coloquei uns dólares na sua caixa de doação para ajudá-lo então). Os usuários que saíram do WhatsApp para o Signal fizeram uma boa jogada. A criptografia de código aberto de ponta a ponta do Signal é elogiada por muitos profissionais de segurança. E o Signal não monitora você nem vende seus dados para desconhecidos que poderiam usá-los para direcionar anúncios estranhos. Caramba, recentemente foi até relatado que o próprio CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, usa o Signal. Isso diz muito. O que pode acontecer se algo der errado? Bem, supomos que você sempre pode aparecer nos contatos de Mark Zuckerberg e ele pode receber uma daquelas mensagens irritantes "seu contato agora está no Signal". Felizmente, você pode desativar essas notificações nas configurações do Signal.

mobile Privacidade Segurança Inteligência artificial

Pode me bisbilhotar? informações

Câmera

Dispositivo: Não aplicável

Aplicativo: Sim

Microfone

Dispositivo: Não aplicável

Aplicativo: Sim

Rastreia localização

Dispositivo: Não aplicável

Aplicativo: Não

O que pode ser usado para se inscrever?

Que dados a empresa coleta?

Como a empresa usa esses dados?

De acordo com o Signal, ele "não vende, aluga nem monetiza seus dados pessoais ou conteúdo de forma alguma – nunca". O Signal implementa os princípios de minimização de dados – somente o número de telefone é usado como fonte de dados – e de proteção de dados por padrão e por conceito.

Como você pode controlar seus dados?

Você pode cancelar o registro do seu número de telefone – mas precisará acessá-lo e pode fazer isso apenas pelo aplicativo. Você também tem controle da exclusão de mensagens e bate-papos, para que outros usuários não tenham mais acesso a elas.

Qual é o histórico conhecido da empresa na proteção de dados dos usuários?

Médio

Não houve violações de dados associadas ao Signal. Em janeiro de 2021, a pesquisadora de segurança do Google Project Zero, Natalie Silvanovich, descobriu um bug no Signal que permitiria que o áudio fosse transmitido sem o consentimento do usuário. O bug foi prontamente corrigido. O Signal revela se alguém usa seu serviço, uma vez que você sabe seu número de telefone. Por exemplo, sabe-se que o próprio Mark Zuckerberg está no Signal. Uma vez que alguém em seus contatos ingressa em um serviço, você também pode vê-lo, se você for um usuário. É um recurso útil se você quiser saber quem está por perto para conversar no aplicativo, mas pode ser irritante (e potencialmente perigoso) se quiser estar lá secretamente ou se seu governo baniu o Signal.

Este produto pode ser usado offline?

Não aplicável

Informações de privacidade fáceis de entender?

Sim

A política de privacidade e os termos de uso do Signal são um exemplo de como essas políticas podem ser concisas quando um produto é desenvolvido com base em fortes princípios de segurança. Políticas longas podem ser um sinal de práticas de dados questionáveis. Além disso, há perguntas frequentes com informações sobre recursos de segurança, direitos do RGPD etc.

Links para informações de privacidade

Este produto atende aos nossos padrões mínimos de segurança? informações

Sim

Criptografia

Sim

O Signal usa criptografia completa de ponta a ponta. Além disso, o Signal usa a ótima prática de criptografia de dados de perfil de ponta a ponta. Isso significa que, mesmo que você decida fornecer suas informações de perfil, o Signal não terá acesso a elas – serão compartilhadas apenas com seus contatos/com quem você escolheu. Outra boa prática é uma descoberta segura de quem entre seus contatos usa o serviço (novamente, opcional). Para isso, as informações dos contatos em seu dispositivo podem ser criptograficamente hasheadas e transmitidas ao servidor, a fim de determinar quais de seus contatos estão registrados.

Senha forte

Sim

Você pode bloquear seu aplicativo Signal com uma senha

Atualizações de segurança

Sim

Gerencia vulnerabilidades

Sim

Qualquer pessoa pode informar uma vulnerabilidade

Política de privacidade

Sim

O produto usa inteligência artificial? informações

Não foi possível determinar

Esta inteligência artificial não é confiável?

Não foi possível determinar

Que tipo de decisões a inteligência artificial faz sobre você ou por você?

A empresa é transparente sobre como funciona a inteligência artificial?

Não foi possível determinar

O usuário tem controle sobre os recursos da inteligência artificial?

Não foi possível determinar


Novidades

If you value your privacy, switch to Signal as your messaging app now
Fast Company
The thing about these lists of top messaging apps is that there’s always one notable absence: Signal is never on them. And that’s a shame, because Signal is the most secure, privacy-centric messaging app ever made. If you haven’t given it a try yet, you should. Here’s why:
Signal’s newest feature shows why putting privacy first is so hard
Fast Company
The privacy-first messaging app recently rolled out an opt-out feature that was criticized by security experts and panned by users.
Bugs in Signal, Facebook, Google chat apps let attackers spy on users
Bleeping Computer
Vulnerabilities found in multiple video conferencing mobile applications allowed attackers to listen to users' surroundings without permission before the person on the other end picked up the calls.
Signal Is Finally Bringing Its Secure Messaging to the Masses
Wired
The encryption app is putting a $50 million infusion from WhatsApp cofounder Brian Acton to good use, building out features to help it go mainstream.
Mark Zuckerberg is using Signal, according to phone number leaked in Facebook hack
Mashablew
Mark Zuckerberg is just like us. Well, only in that he also appears to be using the secure messaging app Signal, despite owning WhatsApp, one of its largest competitors.
Signal Vs Telegram—3 Things You Need To Know Before You Quit WhatsApp
Forbes
As the self-inflicted WhatsApp backlash continues, millions have turned to Signal and Telegram instead. But how much do you know about these rival messengers? Given the headlines, you’d assume they’re both more secure than WhatsApp, right? Actually, wrong. So, if you’re considering a switch, here are three things you need to know.
Signal Jabs at Facebook and Navigates Growing Pains as Popularity Surges
Bloomberg
Suddenly a niche app endorsed by National Security Agency whistle-blower Edward Snowden was swarmed by new users—more than 50 million people downloaded it within 10 days, doubling Signal's total user base and making it the top downloaded app in 70 countries, according to several current and former employees. The meteoric growth put huge pressure on Signal’s 30 or so employees, mostly engineers, product designers and developers who work remotely from their homes in the U.S. and Canada.

Comentários

Tem um comentário a fazer? Nos diga.